Poesia: poemas e poetas

O poeta é um pastor de palavras

Sua caneta é um cajado precioso

Que, se utilizada com bom gosto,

Acerta em cheio o interior da alma

__________________________________________

Mesmo aquelas transviadas do caminho

Podem o bem encontrar nos versos

Brancos, alexandrinos com rimas esdrúxulas ou raras

A poesia pode curar a alma de sua doença transcendental

__________________________________________

Poemas podem fazer-te viajar no tempo

Transcender aos limites metafísicos da alma

Podem lhe fazer andar sobre uma linha tênue

Entre o ser e o não existir

_________________________________________

A poesia te faz suar pelos poros

Faze-te ouvir o inaudível, ler o ilegível

E correr pelos prados e montes do subconsciente escondido

E se por sorte cruzares com a medida certa

Poderás encontrar-te com teu “eu” que estava perdido

Luciano Aparecido Marques

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s